Bem-Vindo ao Portal da FAI
Com o objetivo de defender os direitos e interesses da comunidade universitária.
Central do Aluno



Central do Docente




NOTÍCIAS
Imprimir
Arquivos
Home

Direito e História da UniFAI recebem quatro estrelas no Guia da Faculdade do Estadão
Outros 17 cursos da Instituição foram avaliados com três estrelas; Guia foi publicado no domingo, 25
Quarta-Feira, 28 de Outubro de 2020
por Daniel Torres de Albuquerque
Direito e História da UniFAI recebem quatro estrelas no Guia da Faculdade Estadão/Quero Educação; outros 17 cursos da Instituição foram avaliados com três estrelas
foto de Estadão

Os cursos de Direito e História do Centro Universitário de Adamantina (UniFAI) receberam quatro estrelas (muito bom) na avaliação do Guia da Faculdade, publicado no último domingo, 25, numa parceria entre o jornal O Estado de S. Paulo e a empresa Quero Educação. A publicação tem, ainda, o apoio do Hospital Israelita Albert Einstein, da Universidade Anhembi/Morumbi, do grupo Cruzeiro do Sul Educacional, do Centro Universitário Facens, do Centro Universitário da Fundação Educacional Inaciana “Padre Sabóia de Medeiros” (FEI) e da Universidade de Ribeirão Preto (Unaerp).

“Com enorme satisfação recebemos a notícia de que o Guia da Faculdade Estadão/Quero Educação concedeu 4 estrelas ao curso de Direito da UniFAI. Isso confirma que estamos entre as melhores faculdades do estado nos quesitos: projeto didático-pedagógico, corpo docente e infraestrutura, juntamente com outras instituições tradicionais como a Unesp de Franca, PUC-SP, FAAP, FGV, Mackenzie e USP Ribeirão Preto. Isso é motivo de muito orgulho. Agradeço a todos que contribuíram para que obtivéssemos essa premiação, especialmente nossos professores, que trabalham com amor e afinco para que nossos alunos obtenham a melhor formação”, considerou o Prof. Me. Igor Terraz Pinto, coordenador do curso de Direito.

“Esse é o reconhecimento de um ensino de qualidade. Essa nota é [o resultado do] desempenho de todo o corpo docente do curso de História. Essa comparação entre cursos e instituições que essas avaliações proporcionam é importante para a sociedade, para os estudantes que vão escolher um curso para ingressar. É com muita satisfação que eu agradeço aos professores e à Instituição por todo apoio que eles têm me dado nesses anos como coordenadora do curso de História”, comemorou a Prof.ª Ma. Siomara Augusta Ladeia Marinho.

Já os cursos de Ciência da Computação, Matemática, Pedagogia, Administração, Agronomia, Ciências Biológicas (Licenciatura), Ciências Econômicas, Educação Física (Licenciatura e Bacharelado), Enfermagem, Engenharia Civil, Farmácia, Fisioterapia, Nutrição, Odontologia, Psicologia e Publicidade e Propaganda foram avaliados com três estrelas (bom).

A avaliação

De acordo com a descrição disponível no site, o Guia da Faculdade utiliza uma metodologia conhecida como “avaliação por pares” para analisar a qualidade de cerca de 14 mil cursos superiores em todo o Brasil. Nesse processo, a equipe do Guia atua como um instituto de pesquisa, colhendo a opinião de milhares de professores que atuam no Ensino Superior.

“São mais de 9 mil coordenadores e professores do Ensino Superior brasileiro que se cadastraram para atuar como avaliadores do Guia da Faculdade. É um trabalho voluntário, sem remuneração. Os avaliadores são acionados para dar notas aos cursos das suas áreas de formação e de instituições prioritariamente localizadas na mesma região do País na qual trabalham. Eles são convidados a dar três notas (de 1 a 5) para cada curso: para a qualidade do projeto pedagógico; para a qualidade do corpo docente; e para a qualidade da infraestrutura. Cada curso é distribuído para a avaliação de seis professores e, caso um curso não receba pelo menos quatro notas dos avaliadores, ele é considerado como ‘sem nota’ na avaliação”, explica a descrição do Guia.

O resultado numérico final é transformado em estrelas de acordo com as seguintes faixas de conversão: entre 5 e 4,50 – 5 estrelas (excelente); menor que 4,50 a 3,50 – 4 estrelas (muito bom); menor que 3,50 a 2,50 – 3 estrelas (bom); menor que 2,50 – não estrelado. Um curso só pode ganhar ou perder 1 estrela de um ano para o outro da avaliação.

Ainda segundo o site, “o Guia da Faculdade nasceu de uma parceria, fechada no final de 2018, entre o Estadão e uma das principais startups da área educacional do País, a Quero Educação, empresa com sede em São José dos Campos (SP). No projeto do Guia, coube à equipe da Quero Educação a montagem de todo o processo da avaliação de cursos, incluindo a definição da metodologia utilizada, coleta de informações das instituições de ensino, montagem do banco de avaliadores e tabulação dos dados obtidos. Os resultados finais da avaliação são divulgados com exclusividade pelo Estadão em suas diversas plataformas”.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Rua Nove de Julho, 730 - Centro - CEP 17800-000 Adamantina SP - (018) 3502-7010

Portal UNIFAI - Centro Universitário de Adamantina :: Política de Privacidade - © Copyright - Todos os direitos reservados