Bem-Vindo ao Portal da FAI
Com o objetivo de defender os direitos e interesses da comunidade universitária.
Central do Aluno



Central do Docente




NOTÍCIAS
Imprimir
Arquivos
Home

Rede Promover Vida realiza virtualmente 9° Encontro e 4° Simpósio Regional de Prevenção e Posvenção do Suicídio
Eventos, nos três períodos dos dias 29 e 30, serão transmitidos nos perfis da UniFAI no Facebook e Youtube com participação de profissionais de quatro estados do país
Sexta-Feira, 25 de Setembro de 2020
por Priscila Caldeira
Rede Promover Vida completa 10 anos de atuação integrada na promoção da vida
foto de Arquivo Pessoal

Dias 29 e 30, a Rede Promover Vida, um coletivo de instituições, profissionais e pessoas em prol da vida de Adamantina (SP), da qual o Núcleo de Psicologia do Centro Universitário de Adamantina (UniFAI) é membro e articulador, irá realizar virtualmente o 9° Encontro por uma Cultura de Paz: ações de promoção da vida, prevenção do suicídio e outras violências e o 4° Simpósio Regional de Prevenção e Posvenção do Suicídio.

 

Com 10 anos de existência, a Rede Promover Vida traz nesta edição uma programação diversificada de discussão do suicídio e a possibilidade de intervenção por diversas óticas, abordadas por palestrantes da região, pertencentes à Rede, e profissionais da Bahia, do Paraná, do Rio de Janeiro e de São Paulo. O encontro recebe o apoio da Associação Brasileira de Estudos e Prevenção do Suicídio (ABEPS).

 

Os eventos são abertos ao público com transmissão ao vivo na página da UniFAI no Facebook (facebook.com/unifaiadamantina) e no canal do Youtube (youtube.com/unifaiadamantina). A programação, nos três períodos do dia, prevê conferências, mesas-redondas e oficinas.

 

“O evento deste ano tem o diferencial de conferências mais teóricas, mas também mesas-redondas para que a questão teórico-científica dialogue com as práticas que são realizadas na região. Comemorando os 10 anos de funcionamento da Rede Promover Vida, serão abordadas a articulação entre políticas públicas, extensão universitária e  iniciativas comunitárias, como o voluntariado do CVV [Centro de Valorização da Vida], contextualizada no momento crítico que vivenciamos da pandemia do Covid-19”, detalha a supervisora de estágio, coordenadora do Núcleo de Psicologia da UniFAI, membro e articuladora da Rede, Prof.ª Ma. Ana Vitória Salimon dos Santos.

 

O objetivo é capacitar teórica e tecnicamente os profissionais e comunidade para a reflexão, pensamento e ação adequados em situações de risco de suicídio ou quando na ocorrência de tentativas e suicídios, bem como a socialização de experiências, dúvidas, acertos e a construção coletiva de ações que favoreçam a saúde de todas as pessoas envolvidas, tanto em ambientes profissionais quanto pessoais.

 

As pessoas interessadas em obter certificados de participação necessitam registrar a presença pelo QRCode [um código de barras que poder ser lido pela câmera da maioria dos celulares] disponibilizado durante as transmissões.

 

 

Conferências

 

Com ênfase na discussão de aspectos teóricos e práticos da articulação entre os diversos setores, principalmente nas temáticas de políticas públicas, vínculos e relações entre famílias e pessoas em qualquer ambiente (público ou privado), a importância das questões como a morte, suicídio e racismo, as conferências e mesas-redondas propõem um diálogo das áreas de educação, assistência social, saúde e segurança pública.

 

A conferência de abertura, das 8h20 às 9h10 do dia 29, terá como título a “Prevenção do suicídio e políticas públicas” a ser ministrada por Carlos Felipe Almeida D’ Oliveira, coordenador do Grupo de Trabalho que formulou a Estratégia Nacional de Prevenção do Suicídio (2005-2006), medalha de Mérito Oswaldo Cruz do Ministério da Saúde e medalha de Oficial da Ordem Rio Branco do Itamaraty.

 

Das 9h10 às 9h40, a docente, supervisora de estágios e coordenadora do Núcleo de Psicologia da UniFAI, articuladora da Rede Promover Vida, membro da Associação Brasileira de Estudos e Prevenção do Suicídio (ABEPS) e membro do Núcleo de Apoio a Vida de Adamantina/SP, Prof.ª Ma. Ana Vitória Salimon dos Santos, irá palestrar sobre a “Rede Promover Vida: de estágio universitário à uma rede de redes para a promoção da saúde, prevenção e posvenção do suicídio”.

 

Das 9h40 às 10h10, a voluntária do Centro de Valorização da Vida (CVV), Posto de Adamantina, Eliane Soares, irá falar a respeito da Escuta Ativa e o CVV.

 

Das 10h30 às 11h, o psicólogo e membro do coletivo Yalodê-Badá e do Núcleo de Estudos Interdisciplinares Afro-Brasileiro da Universidade Estadual de Maringá (UEM), Paulo Vitor Navasconi, vai apresentar a conferência sobre “Suicídio: é preciso racializar este fenômeno, uma reflexão sobre o suicídio na população negra”.

 

No período noturno, das 20h às 22h, a mesa-redonda sobre “A potência dos vínculos na promoção da saúde e prevenção do suicídio” reunirá o psicólogo, professor adjunto livre docente da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto e autor de cinco livros, Lazslo Antonio Ávila, que vai falar a respeito do tema “O valor da vida individual e o significado do viver em conjunto”, e a psicanalista membro efetivo e analista didata da Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo, Marly Terra Verdi, sobre “A saúde mental e a preservação permanente da vida”.

 

O psicanalista, doutor em Psicologia pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), Avimar Ferreira Junior, abrirá a conferência de quarta-feira, 30, das 8h às 8h40, com o tema “O que a morte voluntária (a)(de)(re)nuncia da vida compulsória?”

 

Também serão discutidos aspectos psicológicos vivenciados em momentos de crise, principalmente pensando em questões de emergências e desastres. “A pandemia promove situações difíceis de serem enfrentadas e isso vai ser abordado”, aponta a Prof.ª Ana Vitória.

 

A doutora em Psicologia do Desenvolvimento Humano com pós-doutorado em Psicologia da Gestão Integral de Risco e Desastre, Elaine Alves, fará uma exposição acerca da temática: “Morte escancarada, luto e posvenção”, das 14h às 15h. Das 19h30 às 22h, Elaine vai tecer contribuições da Psicologia em Emergências e Desastres para reflexões sobre viver em tempos de Covid-19.

 

A programação completa dos eventos pode ser conferida aqui.

 

 

Histórico da Rede

 

Há dez anos, a Rede Promover Vida atua na geração de reflexões, interlocuções e ações sobre a promoção da vida, prevenção do suicídio e outras violências. “Anualmente, desde 2011, em data próxima a 10 de setembro, dia mundial de prevenção do suicídio, a Rede Promover Vida realiza eventos de caráter comunitário e científico com os objetivos de sensibilizar e orientar a comunidade sobre promoção de saúde, prevenção de suicídios e outras violências, melhor instrumentalizar pessoas e profissionais a lidar com situações de risco para suicídio e com pessoas em luto, bem como promover práticas de saúde para os próprios profissionais e participantes”, explica a Prof.ª Ana Vitória.

 

A estruturação e temática dos eventos são definidas coletivamente a partir do tema mundial da Associação Internacional de Prevenção ao Suicídio (International Association for Suicide Prevention - IASP) e das necessidades locais.

 

“O tema da IASP para o triênio 2018-2020 é ‘Trabalhando juntos para prevenir o suicídio’. Nossa programação abrange diversas óticas para refletir e agir na promoção de saúde e prevenção do suicídio e outras violências, com respeito e promoção do diálogo entre várias áreas do saber, bem como se materializa por meio de ações integradas e colaborativas de diversos profissionais, instituições, órgãos e municípios, resultando em um encontro de qualidade, sem custos aos participantes e com o objetivo precípuo de expandir reflexões e ações responsáveis”, enfatiza.

 

Para mais informações sobre a Rede Promover Vida envie e-mail para promovervida@fai.com.br.

 

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Rua Nove de Julho, 730 - Centro - CEP 17800-000 Adamantina SP - (018) 3502-7010

Portal UNIFAI - Centro Universitário de Adamantina :: Política de Privacidade - © Copyright - Todos os direitos reservados